Seguidores

sábado, 13 de março de 2010

A vida é bela nós que fornicamos ela



Sinto paz quando meu coração me diz que meus atos perante Deus, família, amigos e colegas de trabalho são positivos, sou do tipo que, “se não posso ajudar atrapalhar jamais”, adoro ajudar meus parceiros seja no trabalho, na internet ou de que forma for e nunca ponho valores financeiros nisso, faço porque gosto. Sei que todos nós temos limitações e se minha colaboração é útil, porque não ficaria a dispor dos amigos. Também peço ajuda quando preciso, a vida é uma eterna parceria e quando nos damos as mãos a trilha fica mais fácil de desbravar. Nesse contexto só temos que ter cuidado com alguns espertinhos (graças a Deus são poucos) que se aproximam de nós e só trazem problemas, no mais a vida é bela nos é que fornicamos ela.

Elsy Myrian Pantoja
Imagem Google

Um comentário:

  1. Oieeee!

    vim ver as novidades e te desejar um ótimo fds!
    =D


    (\ï/).........(\ï/)...........(\ï/)...........(\ï/)...........(\ï/)
    (/l\).........(/l\)...........(/l\)...........(/l\)...........(/l\)


    (\_(\
    (-':'-)
    (")_(") Miguinho(a)


    As pessoas se assemelham muito a caixinhas de músicas...

    Algumas têm muitos adornos, mas por dentro estão vazias..

    Outras quase não têm adornos, mas, por dentro,

    guardam delicadamente grandes tesouros..

    Outras, quando as abrimos,

    Mostram-nos um interior tão complicado

    que nos perdemos entre seus labirintos...

    E há aquelas que são tão transparentes

    Que na primeira olhada já sabemos como vão atuar sempre...

    Sempre me ocorreu que as pessoas são como caixinhas de músicas...

    Que só as conhecemos e conseguimos amá-las ao ouvir sua música interior...

    Porque essa música tem alguma coisa de mágica e reflete a beleza de sua alma.


    (autor desconhecido)


    (\ï/).........(\ï/)...........(\ï/)...........(\ï/)...........(\ï/)
    (/l\).........(/l\)...........(/l\)...........(/l\)...........(/l\)

    ResponderExcluir

Coletânea de poemas de vários autores - Trabalho Primoroso da Poetisa Luna de Primo