Seguidores

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

VISLUMBRE

 
 
Se rompe o casulo da alma
Metamorfoseando a vida
Transformação das formas
Sublime perfeição
Delicadas asas brilhantes
Refletem como um misto de cores
Vislumbre gentil da Natureza
Recanto de Paz no coração
Conforme descrito no tempo
Semblante de calma na fronte
Gratidão singela em meu peito
 
 
Autor: Jonas Rogerio Sanches 
 
Obs: Quem visita este Blog percebe de imediato a profusão de borboletas em todos os cantos. Não é um mero adorno, a borboleta é um referencial de vida pra mim... Belas desde o casulo onde quietinhas e pacientes aguardam o momento certo para vir à luz. A isso chamamos de Metamorfose um milagre sublime da natureza onde a tímida lagarta se transforma em uma deslumbrante Borboleta com asas multicoloridas brindando nossos olhos com sua rara beleza. Assim foi com o Jonas que pacientemente esperou em seu “casulo” a hora certa de expor o seu talento nato de Poeta e Escritor. Em minha trajetória de Escritora, já li centenas de obras de poetas iniciantes e inseguros com relação ao seu potencial e que depois de vencerem a insegurança e a timidez despontaram e estão por aí compondo felizes, brindando  com construção de versos belíssimosa quem os ler. O Jonas se destacou entre tantos pela demonstração de  perseverança, paciência de esperar a hora certa de sair de seu “casulo” e se transformar em uma borboleta cheia de Luz,  tendo em vista que ele além de compor os seus próprios versos, ainda canaliza através de sua mediunidade, Mensagens de Esperança, Fé e Amor. Obrigada Jonas por você existir, por está no meu caminho e eu no seu, embora saiba que isso é um ciclo que seu vôo é longo e infindo e é assim que quero vê-lo voando livre espalhando pelo mundo o seu talento o seu dom e a capacidade enorme de amar.
Para quem quiser conhecer mais sobre as composições e o talento de Jonas Sanches, visitem seu blog 
http://trilhasdeluz.blogspot.com 

Elsy Myrian Pantoja
 

Jonas Rogerio Sanches

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coletânea de poemas de vários autores - Trabalho Primoroso da Poetisa Luna de Primo