Seguidores

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Coração carente



Tive a nítida sensação
Que ainda dormias ao meu lado
O aroma dos teus cabelos
Impregnou-se nos lençóis
Na casa e em todos os cômodos
Fico a vagar insone
Tocando nos mimos
Que ganhei de ti
Em pensamento busco teus braços
E me enlaço aquietando o coração
Que ainda teima acelerar
Quando evoco as lembranças
Das horas infindáveis que fizemos amor
Meu suor misturado ao teu
Me causa extrema agonia
Saber que jamais serás meu

Elsy Myrian Pantoja
Imagem Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coletânea de poemas de vários autores - Trabalho Primoroso da Poetisa Luna de Primo