Seguidores

quinta-feira, 15 de abril de 2010

NOITES REVIRADAS





Noites reviradas

Em busca da síntese

Desse sentimento que nos arrastou

De roldão, ao mais lindo parque de diversões

Entre lençóis amarrotados

Corpos suados

Vamos completando no outro

As lacunas que a vida vazia do passado

Em nós marcou

Estremeço ao toque de sua mão quente

E num entrelaço de almas que entre si se acalmam

Meu coração enfim se entrega plenamente


Elsy Myrian Pantoja
Imagem Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coletânea de poemas de vários autores - Trabalho Primoroso da Poetisa Luna de Primo