Seguidores

sábado, 3 de outubro de 2009

Analisando meus sentimentos


Não sei se posso considerar o fato de ter vivido 27 anos, uma relação completamente equivocada, onde eu achava que o que sentia pelo companheiro era amor, durante esse tempo todo vivenciado, não tive a percepção necessária para distinguir e discernir que amor é parceria, cumplicidade, cuidados e ternura. Com o passar dos anos, a experiência e maturidade florescendo fui percebendo que humilhação, menosprezo, descaso e omissão não coadunam com esse sentimento bonito de afeição. Então fui compartimentando as emoções, fiz uma analise profunda de tudo que passei e conclui que jamais havia amado e muito menos fui amada. Não dei a menor chance pra discussão de relação, nem pra revisões de erros, de imediato retomei as rédeas do meu destino, reconheci minha capacidade e potencial de gerenciar minha própria vida, e é o que tenho feito até hoje, e lá se vão quase cinco anos sem que eu tenha me arrependido da decisão que tomei. Hoje sei o que é amar, não aquela paixão que destroça e aniquila, mas um amor calmo, paciente, afinal não há pressa, a minha estrutura emocional é sólida e sei que o que tiver que ser será.

Elsy Myrian Pantoja
Imagem pesquisa Google

Um comentário:

  1. Assim que eu gosto de ver, isso é MATURIDADE!!Estou muito orgulhosa de você!!

    ResponderExcluir

Coletânea de poemas de vários autores - Trabalho Primoroso da Poetisa Luna de Primo