Seguidores

terça-feira, 30 de junho de 2009

Os Atos Secretos do Senado


Formação de quadrilha, a partir de três elementos no delito considera-se como tal, então podemos considerar a família do ex-presidente José Sarney uma quadrilha, filhos, neto, ex nora, duas sobrinhas, nomeados na instituição o Senado Federal onde o ex-presidente da República e agora Presidente da Casa, através de atos secretos, que agora já não são tão secretos assim, pois já começam a vir à tona junto com toda sujeirada que sempre imperou no poderoso clã do Maranhão, vale lembrar, poder esse dado pelo voto do povo. Apesar da Sumula número 13 Antinepotismo doSupremo Tribunal Federal, pelo que consta apenas João Fernando Sarney foi exonerado, “coitadinho” perdeu um mixo salário de $ 7,6 mil reais, sua contratação foi feita através de um desses famigerados atos secretos para ser Secretario do Senador Epitácio Cafeteira, mas não fiquem com pena do pobre moço, pois dias depois sua mãe a senhora Rosangela Michels Gonçalves assumiu o seu lugar, garantindo assim o feijão com arroz de tão carente família aff. E a farra continua o tal ato secreto ainda beneficiou mais dois integrantes da família, Vera Portela Macieira Borges e Maria do Carmo de Castro Macieira, sobrinhas de dona Marly Sarney, que continuam com seus empreguinhos garantidos e sabe onde as duas prestam serviços? No gabinete da Presidência, pasmem leitores é isso mesmo, mas quando a coisa começou a ficar feia o senhor José Sarney sabiamente transferiu a primeira para o gabinete do Senador Delcídio Amaral com o “minguado” salário de R$ 4.661,70, já a segunda sobrinha está como assistente parlamentar no Gabinete da prima, a ex-Senadora e atual Governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), valha-me Cristo que família esperta essa ein!!!! A “pobrezinha” começou ganhando um salário inicial de R$ 1.773,21 , mas, em março deste ano por ter exercido suas funções direitinho, cumprido horário e todos os deveres inerentes a função foi promovida acreditem, a bela moça passou a ganhar o salário de R$ 2.794,18. Amigos, e familiares da afamada família Sarney sempre tiveram a segurança e proteção do Senado. Entre os sortudos com cargos comissionados na Casa o Senhor Lucas Barreto, e sabem de onde ele veio? Da Presidência da Assembléia Legislativa do Amapá, e não foi lá que o Senhor Sarney se elegeu para o Senado? Estranho não é? E pasmem olha o salário do individuo R$ 7 mil, entre os anos de 2007 e 2008. Quem também foi premiada por mais um “ato caridoso” ops secreto da família Sarney, Nathalie Rondeau, filha do ex-ministro Silas Rondeau, que chegou aonde chegou adivinhem como? Lógico dedinho da família Sarney, a bonitinha indicada para tal cargo bem jovem ainda, tem 22 anos e não sabe coisa nenhuma do cargo para o qual foi indicada, Nathalie foi nomeada em 26 de agosto de 2005, por ato secreto, para integrar o Conselho Editorial do Senado, presidido por José Sarney. E só pra constar seu belo nome lá no tal conselho sabe quanto ela recebia de proventos? R$ 2,5 mil reais. Cidadã e funcionaria pública me sinto insultada, envergonhada, ele que representa o cargo máximo do Poder Legislativo, ainda mais porque nada vejo ser feito pra corrigir tais abusos, o erário público, que nada mais é que os impostos pesados que pagamos, as tarifas absurdas que deveriam melhorar a prestação dos serviços públicos como a saúde e educação, desviados pra dá boa vida e poder pra meia dúzia de pessoas ligadas a alguém que sujou sua biografia e que tinha tudo pra passar pra historia como um Político honrado pois oportunidades ele teve pra isso. Fora Sarney, vá tomar o chá das cinco na Academia Brasileira de Letras, onde conquistou uma cadeira com suas “Belas Obras Literárias” aff de novo.


Elsy Myrian Pantoja

Imagem colhida no banco de imagem do Google: blog do Mesquita


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coletânea de poemas de vários autores - Trabalho Primoroso da Poetisa Luna de Primo