Seguidores

quarta-feira, 10 de junho de 2009


Perdas e Danos
Há momentos em nossa vida cotidiana que devemos fazer uma pausa para reflexões. Avaliar nossas atitudes perante a sociedade, nossa família e colegas de trabalho, estaremos sendo omissos em suas necessidades? Será que estou colaborando pra tornar o mundo em que vivo melhor? Muitas vezes nossas angustias são oriundas da falta de preenchimento desses espaços, há tanto que podemos fazer não necessariamente em grande escala, mas, ser gentil com os que convivem conosco todos os dias, é uma forma de tornar o nosso dia melhor e o de outrem, cuidar do ambiente em que vivemos, saudável, conscientizando nossos vizinhos sobre a preservação da cidade em que habitamos, conservado-a limpa, participando dos atos daqueles a quem demos nossos votos para administrar o Município, Estado ou País, se temos acesso a internet, responder ou enviar de vez em quando mensagens de otimismo ou uma boa piada, pode ter certeza isso faz muito bem, e na família será que todos vão bem, não terá alguns precisando de algum auxilio? Digo no sentido mais amplo da palavra, moral, espiritual, afetivo ou financeiro, nossas perdas muitas vezes são conseqüências da omissão de um dos detalhes acima e não nos damos conta disso, e o que fazemos é só lamentar, e culpar o destino, os deuses qualquer um, menos nós mesmos que poderíamos fazer tanto, mas fechados em nosso mundinho não vimos o temporal lá fora. Portanto dou aqui uma sugestão tire um tempo, análise, questione saia um pouco do seu universo e abranja o mundo a sua volta, você verá que a muito que fazer para tornarmos o mundo um pouco melhor e nossa sociedade mais solidária.
 

Elsy Myrian Pantoja 
Imagem Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coletânea de poemas de vários autores - Trabalho Primoroso da Poetisa Luna de Primo