Seguidores

terça-feira, 18 de agosto de 2009








32 anos sem a voz e a performance fantástica de Elvis Aaron Presley, na minha concepção independente do que fizeram com suas vidas, ídolos são ídolos e enquanto vivos nos proporcionaram momentos mágicos como no caso de Elvis. E como ele tantos outros sucumbiram diante da pressão de seu próprio poder criativo, temos o caso mais recente com a morte de Michael Jackson, ainda nesse mês de agosto lembramos tambem a perda prematura de outro cara genial na arte de compor e se impor diante da vida o maluco beleza eterno Raul Seixas. Acompanhando esse texto embora melancólico, deixo aqui o vídeo com o que seria o Canto do Cisne de Elvis, em algum momento de sua apresentação da pra ver o seu sorriso lindo que encantava a todos os seus fãs.
Elsy Myrian








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coletânea de poemas de vários autores - Trabalho Primoroso da Poetisa Luna de Primo