Seguidores

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

"O meu amor é passarinheiro"

A vida nos ensina a amar de muitas formas, eu tenho um amor passarinheiro.
Que se esconde no mato longe do barulho da cidade, que é silencioso, paciente, persistente.
Amar vida de passarinho é saber enxergar o que ninguém mais vê, desconfiar de barulho, estar atento a tudo. É desenvolver instinto para estar em sintonia com a natureza, valorizar os detalhes: cores, sons, cheiros.
Passarinho é bichinho tinhoso às vezes tímido, ás vezes esperto demais para se deixar mostrar. Então temos que nos aproximar devagarzinho, bem de mansinho para ele não assustar.
O amor é igual a passarinho precisa de carinho, atenção, sutilezas, se não, ele morre ou voa para bem longe pra nunca mais voltar!

(A.D)

Hoje sou águia, amanhã andorinha, mas caça jamais!(a.d)

Texto e imagem do" Blog Cotidiano "
Postado por adrimagno

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coletânea de poemas de vários autores - Trabalho Primoroso da Poetisa Luna de Primo